Felipe Dumont é natural de Rio Grande/RS. Tem uma profunda relação com a fotografia que começou na sua infância. Foi quando o Rio de Janeiro completou 400 anos, ele ganhou uma máquina fotográfica Kodak Rio 400. A primeira câmera do tipo “aponte e dispare” fabricada no Brasil. Depois disso não conseguiu mais parar. De amador passou a profissional.

Fotografou a natureza por vários, anos de onde resultaram 2 livros”Taim uma Reserva de Vida”volumes 1 e 2.

Também publicou livros de viagens, em parceria com outros fotógrafos: “Uma Aventura Fotográfica no Atacama”, em parceria com Thierry Rios e “O Expresso do Oriente” com João Paulo Ceglinski.

Atualmente se dedica a fotografia em estúdio, fazendo fotos publicitárias e de gastronomia.

 

Conteúdo indisponível para cópia.